“Revolução Jesus, a revolução do amor” – GADE Santos 14/04/2012

Um revolucionário de Jesus tem a Biblia como bússola para sua vida

A juventude é um estado de espírito e não apenas um estado cronológico! Você já se imaginou com mais idade que aparenta ter? A juventude vai além da idade cronológica, pois isso faz parte do infinito, do que já temos. Se eu pensar que sou filha do céu vou continuar sendo jovem.

Quando dizemos que Jesus é tudo, significa que Ele é tudo. Dizem por aí que Buda foi bom; Gandhi e tantos outros, mas, nenhum ousou fazer o que Jesus fez: revolucionou a história. Sabemos que existe uma nomenclatura a.C. (antes de Cristo) e d.C. (depois de Cristo), seja como for, o mundo está marcado antes de Cristo e depois de Cristo. Os ateus, os agnósticos e outras religiões estão profundamente marcados pela história de Jesus: antes de Cristo e depois de Cristo.

A “revolução Jesus” nos mantém lúcidos para a vida. Você é filho do céu, não é obrigado a viver uma vida louca. Como Jesus faz a revolução? Por meio das bem-aventuranças. Ele faz uma revolução para a qual não há entendimento. Quantas pessoas não gostam de Jesus até hoje por conta da revolução que não é improvisada e que não mexe com nossas estruturas. “A revolução Jesus” nos transforma de dentro para fora, nos deixa lúcidos, e não em uma vida “maluco beleza”.

Muitos homens tentaram fincar as suas “estacas”, mas não conseguiram revolucionar tanto quanto Jesus. Alguns dos quais tentaram empregar ideologias, alguns para o bem, outros (a maioria!) para o mal. Mas as ideologias tentam tornar absolutos, como Maquiavel sempre dizia: “Os fins justificam os meios!” O texto mais “louco” e revolucionário de Jesus está nas Bem-aventuranças, escolhendo os pobres, escolhendo os humildes.

Como pode um Deus perfeito amar tanto a nós que somos fracos. Mas a “revolução Jesus” é a que nasceu na estrebaria em Belém, a revolução que fez milagres: mudos falarem, coxos andarem e foi motivo de escândalo para o povo. O que fez Deus ser crucificado na cruz? O amor!

O que acontece hoje, na verdade, é uma reciclagem com a nomenclatura nova, não existe nada debaixo do céu que seja novo. Hoje é o movimento “punk”; amanhã, “skinhead”, depois de amanhã o “emo”; mas isso passa! A “revolução Jesus” não! Para segui-lo você não precisa usar “tal” roupa, não precisa escutar “tal” tipo de música; tem de ser original. O interessante é que nós temos de querer viver essa revolução; você não precisa comprar ingresso, basta querer vivê-la.

Um “revolucionário” de Jesus não lê a Palavra de Deus como um livro de historinhas, que a vovó contava, mas como uma bússola: nela [na Palavra de Deus ] está a orientação precisa para a nossa vida. Pela liturgia da Palavra, pela Eucaristia encontramo-nos com o Senhor. A Palavra de Deus é viva, Jesus é o Verbo encarnado e esse é um dos pilares do “Revolução Jesus”, a revolução do amor, que é um divisor da história.

Deixe-a [revolução Jesus] convencer o seu coração, mesmo que as pessoas venham com as “melhores” intenções. Deixe-O entrar, deixe o Senhor fazer o que precisa ser feito.

(Artigo produzido a partir da pregação de 20.01.2008)

LilianMaria
Comunidade Canção Nova

Share and Enjoy:
  • Print
  • Digg
  • Sphinn
  • del.icio.us
  • Facebook
  • Mixx
  • Google Bookmarks
  • Blogplay
Esta entrada foi publicada em Formações, GADE - Santos. Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

*


Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>